Santiago do Chile

Vinícolas em Santiago do Chile

Conheça as vinícolas em Santiago. O Chile é um ótimo produtor de vinhos, então você não pode deixar de visitar uma vinícola enquanto estiver em Santiago. A fabricação da bebida faz parte da cultura do país, por isso, não importa se você for viajar para a capital chilena no verão ou no inverno, uma visita às vinícolas deve estar na sua lista de o que fazer em Santiago.

Vinícolas em Santiago do Chile

E depois não deixe de ver a matéria de como economizar muito na sua viagem ao Chile. É a matéria mais acessada do blog e vai te ajudar muito com todo o planejamento da viagem. São várias dicas imperdíveis que vão fazer você economizar MUITO (muito mesmo) e montar toda a sua viagem ao Chile.

Dicas importantes para a visita às vinícolas

Existem algumas dicas importantes para quem quer conhecer as vinícolas em Santiago. A primeira é que todas elas possuem uma loja para você comprar vinhos e lembrancinhas. O que muita gente não sabe é que as bebidas lá são um pouco mais caras do que nos supermercados, então se você quer comprar muitos vinhos para trazer ao Brasil, deixe para fazer isso nos supermercados da cidade, que possuem uma variedade enorme e bons preços.

Vinícola

Outra dica é que algumas vinícolas já possuem tours guiados em português pensados justamente para os brasileiros, então quando for agendar o seu passeio pelo site, veja se encontra essa opção. Inclusive recomendamos fazer esse agendamento com antecedência, pois as excursões são bem populares e só são realizadas com hora marcada.

Vinícola Miguel Torres (22 minutos de Santiago)

A vinícola Miguel Torres é uma vinícola cheia de história, comandada pela família Torres. A principal dica para os turistas que forem até ela é para que não deixem de fazer a degustação, que busca harmonizar os vinhos com queijos e chocolates. Esta é uma excelente vinícola nos arredores de Santiago do Chile.

Vinícola Miguel Torres no Chile

Vinícola San Pedro (24 minutos de Santiago)

Quem uma vinícola rica em história e tradição? Então, reserve um dia da sua viagem em Santiago do Chile para conhecer a San Pedro, localizada no Valle de Curicó. Um ponto que a destaca das demais é o fato de ter uma das maiores extensões de vinhedos da América Latina. Além disso, ela também tem um cuidado com a agricultura sustentável, o que faz toda a diferença para a qualidade de seus vinhos.

Vinícola San Pedro no Chile

Vinícola Undurraga (1 hora até Santiago)

A vinícola Undurraga se estabeleceu no Vale do Maipo em 1885, quando Don Francisco Undurraga começou a plantar algumas uvas vindas da França e da Alemanha. Em 1900, eles começaram a exportar o seu vinho para os EUA, se tornando a primeira vinícola chilena a vender vinhos para fora do país. Na década de 40, a marca já exportava seu produto para mais de 60 nações.

Por conta da sua fama, várias pessoas importantes já visitaram a Undurraga, como o astronauta Neil Armstrong, as famílias reais belga e norueguesa, presidentes de vários países latino americanos e o escritor Gabriel García Márquez.

Vinícola Undurraga - Dicas do Chile

Neste tour pela vinícola Undurraga, o turista é levado para conhecer o museu da propriedade, onde existem diversos objetos dos índios mapuches, o belo parque da família Undurraga, parte das plantações, o espaço onde ficam as máquinas que produzem os vinhos, as adegas e no final você poderá decifrar aromas na sala de cheiro e fazer degustações de alguns vinhos.

Vinícola Santa Rita (45 minutos de Santiago)

A Santa Rita foi fundada em 1880 por Domingo Fernandez. Entre o final do século 19 e os anos 70, a propriedade ficou nas mãos da família de García Huidobro, até que em 1980 ela foi vendida para o grupo Claro e a companhia Owens Illinois, que foram responsáveis pelo crescimento (eles adquiriram várias vinícolas pelo Chile), pela modernização e pela internacionalização da marca.

Vinícola Santa Rita em Santiago no Chile

Porém, a história da Santa Rita é muito mais rica do que isso. Durante a guerra de independência do país, a dona da propriedade, Paula Jaraquemada, escondeu na sua casa 120 soldados, que tiveram que fugir depois de serem derrotados em uma batalha contra os espanhóis. Como homenagem, um dos vinhos produzidos ali recebeu o nome de 120 e a vinícola se tornou um Monumento Nacional.

A vinícola Santa Rita é enorme e conta com vários espaços, por isso ela oferece diversos tipos de tour, que tem que ser agendados com antecedência pelo site deles. No total são 9 passeios diferentes que você pode fazer pelo local, indo desde um tour de bicicleta no meio das plantações de uva até a experiência de participar da produção do vinho por um dia.

Barris na vinícola Santa Rita no Chile

Vinícola Concha y Toro (42 minutos de Santiago)

A história da Concha y Toro começou em 1883, quando Don Melchor de Concha y Toro, um político e empresário chileno, fundou a vinícola. Já nos anos 50, 60 e 90, a marca passou por um grande processo de modernização e expansão, por isso eles adquiriram terras em diversas partes do Chile e de outros países, sendo a Argentina um deles. Hoje a franquia possui a maior quantidade de terrenos plantados para a produção de vinho no mundo.

Barris na vinícola Concha y Toro

Em um passeio pela vinícola Concha y Toro é possível conhecer os lindos jardins da propriedade, a parte de fora da casa de veraneio do século 19 da família Concha y Toro, as plantações que contam com 26 tipos de uvas, as adegas do famoso vinho Casillero del Diablo e também fazer degustações de alguns dos vinhos premium produzidos ali.

Fachada da vinícola Concha y Toro no Chile

Vinícola Cousiño Macul (34 minutos de Santiago)

A Cousiño Macul é uma das vinícolas mais antigas do Chile, e ela é uma das poucas que ainda é propriedade da família que a fundou, em 1856. No entanto, as uvas estão nesse terreno desde o século XVI, então é um lugar histórico para visitar.

Nesse tour, que também tem opção de ser em português, você vai ver toda a estrutura da vinícola, entender a história da família e da região, visitar um museu com objetos antigos ligados à produção da bebida e, no final, também tem a degustação de vinhos.

Vinícola Cousiño Macul

Vinícola Emiliana (23 minutos de Santiago)

O início da história da vinícola Emiliana no Chile se dá em 1998, quando ela começa um longo e lindo processo para se tornar uma vinícola orgânica. Mas, é importante saber que foi em 2001 que saiu o primeiro vinho orgânico dela, cujo nome é Coyam (super famoso pelo país e mundo todo).

Em um passeio pela vinícola Emiliana você poderá apreciar diversos animais, fazendo com que as crianças curtam bastante ficar horas e horas aproveitando por lá. Alguns dos bichos encontrados nesta vinícola são: pavões, ovelhas, galhinhas, lhamas etc. Além disso, ao longo do tour você terá conhecimento sobre todas as plantações da vinícola Emiliana, finalizando a visita com uma degustação incrível e super saborosa de queijos, chocolates e vinhos. É demais!

Degustação de vinho e queijos na vinícola Emiliana no Chile

Vinícola Matetic (1 hora e 10 minutos de Santiago)

Essa vinícola se diferencia de outras vinícolas da região pelo fato de ser orgânica e biodinâmica. Então, se você quiser vivenciar uma experiência única e 100% natural, não pode deixar de pensar nela na hora de fazer o roteiro no Chile.

Vinícola Matetic no Chile

O vinho Matetic é de uma excelência acima da média, elogiado não só pelos chilenos como por turistas do mundo inteiro. Seja para comer alguma coisa, no restaurante que fica lá dentro, fazer uma degustação de alto nível ou tirar fotos, o passeio por esta vinícola é um dos mais almejados pelo público em uma viagem no Chile. Garanta o seu!

Vinícola Casa Marín (1 hora e 20 minutos de Santiago)

Seguindo com este guia das melhores vinícolas nos arredores de Santiago do Chile, vamos de Casa Marín, que é uma vinícola de porte pequeno. Apesar do tamanho, ela é muito requisitada na região, tendo recebido prêmios importantíssimos de excelência no mercado. Assim como a Matetic, ela também é orgânica. Para os turistas que adorarem vinhos brancos, aqui vai a dica de ouro, a Casa Marín conta com ótimas opções deles.

Vinícola Casa Marín no Chile

Vinícola Santa Cruz (2 horas e 30 minutos de Santiago)

Esta é uma das vinícolas mais famosas da região. Isto porque além de charmosa, é 100% fotovoltaica, ou seja, utiliza de painéis solares para gerar energia. É aquele misto de modernidade com tradição que todo turista ama. Em um tour por ela, você poderá experimentar alguns vinhos, claro, e entender sobre o processo de colheita por lá. É bem educativo e interessante.

Vinícola Santa Cruz no Chile

Vinícola Montes (2 horas e 40 minutos de Santiago)

A vinícola Montes, situada no Valle de Colchagua, é super diferenciada. Para você ter uma ideia, ela conta com uma sala de barricas, onde os vinhos descansam em meio a uma trilha sonora de cantos gregorianos. Um ponto importante também é o fato desta vinícola seguir uma filosofia oriental feng shui.

Vinícola Montes no Chile

Vinícola Viu Manent (2 horas e 40 minutos de Santiago)

Na região do Valle de Colchagua você também terá a vinícola Viu Manent. Ela é muito tradicional, tendo cerca de 85 anos de existência. Uma dica importante é que esta vinícola é bastante voltada ao vinho tinto, então se esta for a sua “praia”, certamente irá adorar a Viu Manent.

Ao longo de um passeio por esta vinícola, você poderá fazer uma série de registros incríveis, conhecer salas de barricas, tanques e máquinas, fazer uma degustação extraordinária e estar em contato com muita área verde e jardins. É lindo!

Vinícola Viu Manent no Chile

Muito mais dicas do Chile no Youtube!

Está gostando da matéria? Não deixe de visitar também o nosso canal no Youtube. Tem vários vídeos incríveis do Chile, com muito mais dicas, para ajudá-lo a planejar toda a sua viagem. Se quiser, clique aqui para se inscrever no canal ou aqui para ver a playlist com todos os vídeos do Chile. Esse vídeo é o mais assistido do canal:

Como economizar muito na sua viagem ao Chile

Use seu celular à vontade no Chile

Poder usar seu celular no Chile e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, economizar por não precisar alugar um GPS, pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios, ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem ao Chile nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade no Chile.

É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro em Santiago do Chile, Valparaíso, Viña do Mar e qualquer outro lugar do Chile e do mundo inteiro. E usando a Internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre as vinícolas em Santiago do Chile quando estiver lá.

Pessoa usando o celular

Dicas para aproveitar melhor sua viagem ao Chile

Agora que você já viu tudo sobre as vinícolas em Santiago do Chile, uma dica legal para quem vai para o Chile é que como alguns pontos turísticos como Cajón del Maipo, as vinícolas, cidades, parques naturais, desertos, outlets e todas as atrações ficam bem afastadas, alugar um carro se torna essencial.

Sem falar que com um carro você pode conhecer outras cidades do Chile além de Santiago, como Viña del Mar e Valparaíso, explorar suas estradas que são lindas e as paisagens e lugares naturais pelo caminho que são incríveis. Se quiser, saiba tudo sobre o assunto aqui na matéria de aluguel de carro no Chile com dicas incríveis e como conseguir um preço incrível utilizando comparadores de preços excelentes.

Viagem de carro pelo Chile

Dica dos ingressos para passeios e excursões

Outra dica muito importante é que no Chile não se vende tanto os ingressos para os pontos turísticos por separado. Como há muitos lugares lindos para visitar, o mais comum é contratar agências especializadas que vendem os pontos turísticos por combos. Esses combos são bem legais, porque como algumas atrações são longe e de difícil acesso (e até um pouco perigosos os caminhos), você acaba tendo a deslocação e a visita em um só pack.

Nós acabamos comprando todos os ingressos nesse site aqui de ingressos para o Chile, e achamos ótimo. É uma agência especializada brasileira que é sensacional, eles dão todo o suporte necessário e vendem todos os passeios do Chile.

Passeio para conhecer Cajón del Maipo

Os passeios mais legais e mais vendidos são: passeio ao Cajón del Maipo, Vale Nevado, Farellones, passeio por Viña del Mar e Valparaíso… além de contar com um city tour muito legal, que passa por todos os pontos turísticos de Santiago (com ingressos incluídos) e tem até passeio para a Vinícola Concha y Toro. São lugares que não podem ficar fora do seu roteiro pelo Chile! Através desse link, você tem 10% de desconto nos seus ingressos, então aproveite e reserve já os seus passeios por esse país fantástico.

Não se esqueça do Seguro Viagem para o Chile

Uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando viajar para fora do Brasil é que não esqueçam de fazer um seguro viagem internacional. Ele é importantíssimo e ninguém deve viajar sem um para evitar problemas no exterior. Veja nossa matéria de seguro viagem para o Chile com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Veja outras matérias legais do Chile:

O que fazer em Santiago do Chile: Dicas do que fazer e conhecer na cidade.
Como levar dinheiro para o Chile: Melhores formas de levar seus pesos chilenos.
Cidades turísticas do Chile: As cidades chilenas mais famosas e visitadas.
Como achar hotéis muito baratos no Chile: Incrível pesquisador e dicas excelentes.

Tags:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *